Como começar em UX Research e o que é necessário saber?

Como começar em UX Research e o que é necessário saber?

Nesse contexto, é importante buscar a compreensão das necessidades, limitações e desejos dos usuários, para ter a validação em criar produtos e serviços válidos e melhores no processo de design de experiências. Para isso, a pesquisa é o principal meio de obter essas informações. O UX Research é o coração e a etapa mais importante no UX Design.

Hoje, você entenderá como começar na área e como um curso de UX Research pode ser uma boa opção para isso.

UX Research: quais as habilidades do profissional?

Para quem se interessa pela área de User Research, é necessário saber que ser um UX researcher é entender constantemente como os usuários interagem em um determinado contexto. Se pararmos para analisar, isso é ser curioso. Tem que ir cada vez mais a fundo para encontrar as respostas!

Qual é o objetivo principal? Tem objetivos específicos também? O que temos que alcançar? Onde queremos chegar? O que é importante para o projeto? E o que é importante para o usuário? Essas são perguntas que fazem parte de uma estratégia de UX, e o researcher é como um detetive procurando algo que faça sentido pra tudo isso.

Tenha em mente: o UX Research e UI Design sempre andam juntos!

Em um outro artigo, já contamos que o UI Design trabalha em prol da navegação do usuário, focando na aparência, e o UX faz com que ela seja agradável, priorizando o seu comportamento e como interage. Eles são complementares e, juntos, trazem o melhor resultado.

Sendo assim, em um processo de construção de interface de UI, é fundamental realizar testes de usabilidade, quantas vezes forem necessários e diversos outros tipos de pesquisa, para se entender na prática quais serão as dificuldades que os usuários encontrarão na usabilidade.

As pesquisas podem ter foco em dados quantitativos, qualitativos e podem ser realizadas de diversas maneiras e técnicas. Quanto mais vezes conseguir se colocar no lugar do usuário durante o desenvolvimento do projeto e entender a interação com o produto/serviço em todos os sentidos, as chances de acontecer erros serão cada vez menores.

A descoberta em User Research nem sempre é aquilo que o profissional quer ouvir

Outro ponto importante em UX Research para iniciantes é a atuação do trabalho em si. Na pesquisa de User Research, é necessário saber ouvir de fato o que o usuário diz, tomando cuidado com os nossos próprios pensamentos. É preciso ainda tirar da cabeça os resultados que prevemos ou desejamos na hora "h" da coleta de informações.

No dia a dia e nas vivências, vamos criando impressões, modos de ver a vida, que influenciam as nossas ações e pensamentos. Nossos gostos e achismos vão tomando forma e, ao entrevistar alguém, podemos deixar isso evidente, fazendo perguntas ou comentários tendenciosos. Isso não pode acontecer. Até mesmo as expressões faciais devem ser neutras.

O que se aprende em um curso de UX Research?

Agora que você já sabe alguns dos principais pontos relacionados a User Research, deve saber também que procurar um curso de UX Research é uma ótima opção para se adentrar na área. Desta forma, você aprende a analisar métodos e processos de pesquisa, desenvolvendo a capacidade de sustentar teoricamente, e demonstrar contextos práticos de um determinado projeto.

O interesse no entendimento de pessoas vem crescendo, e cada vez mais elas desejam entrar na área de pesquisa e testes de usabilidade, parte do processo de design de experiências.

Na Digital House, temos o curso de Experiência do Usuário (UX). Além de ensinar o processo como um todo, ele também ensina detalhadamente sobre a área de pesquisa, tornando a especialidade possível ao aluno.

Além disso, o curso proporciona o conhecimento da teoria-base de uma User Research qualitativa e também a parte quantitativa. Aprenda sobre desk research, boas práticas de mercado e crie seu próprio portfólio de UX.

Leia mais no blog DH:

+ Guia de Product Discovery: passo a passo e importância do processo para o seu Produto

+ Etnografia no UX: como entender a relação do consumidor com produtos e serviços

+ Prototipagem: 5 ferramentas de prototipação que você precisa conhecer

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)