Tipos de mídia: saiba quais são os principais e suas vantagens de utilização

Com a vastidão da internet, as mídias digitais ganham diferentes aplicações, mas três tipos se destacam: paga, espontânea e própria.

Tipos de mídia

A transformação digital trouxe inúmeros benefícios para a sociedade, e nos negócios não foi diferente. Com a internet, as marcas ampliaram suas vitrines, possibilitando alcançar mais consumidores. Além disso, com a diversidade dos meios de comunicação e a popularização das redes sociais, os usuários ganharam mais espaço e proximidade com as empresas, podendo opinar, responder, questionar, criticar e elogiar os produtos e serviços.

Exatamente por causa dessa interação, as mídias digitais são vistas como uma evolução das analógicas e uma poderosa ferramenta para as corporações. Se, há algumas décadas, os anúncios eram feitos apenas em jornais, televisão, rádio, revistas e mídia externa (OOH), hoje existem vários tipos de mídias online que podem ser mais bem utilizadas, de acordo com os objetivos esperados.

Nos conteúdos que têm o seu funcionamento e distribuição baseados na internet, as  formas de engajamento mais comuns são as curtidas, os comentários e os compartilhamentos. Se a empresa estiver preparada para identificar sugestões construtivas, poderá planejar uma estratégia de marketing a partir do mapeamento dessas oportunidades.

Planejamento de Marketing Digital. Baixe o e-book agora!

Por isso, é muito importante escolher a mídia certa ao anunciar. Afinal, são muitas opções e devem ser consideradas as predefinições do briefing para obter bons resultados. Neste artigo, faremos um panorama dos tipos de mídias e quais as suas vantagens! Boa leitura!

Tipos de mídia - principais características e canais

Os tipos de mídias digitais são os agrupamentos de diferentes formatos, ou seja, a categoria em que um conteúdo se encaixa.

Por conta do vasto cenário de atuação da internet, as mídias digitais ganham diferentes aplicações. Propagandas no Instagram, sites de busca, blog posts e aplicativos de celular, por exemplo, são alguns modelos que possuem características próprias e se enquadram em uma das três categorias. Confira quais são:

Mídia paga

Como o nome já indica, são as formas de publicidade onde a empresa paga para alguma plataforma anunciar o seu produto/serviço em destaque ao público-alvo. É o tipo de mídia que possui o melhor alcance.

Canais/veículos: Os mais conhecidos são as pesquisas pagas em sites de busca, anúncios de display digital ou os native ads, como Google Ads, Google AdWords, Facebook Ads, Linkedin Ads; Instagram Ads; campanhas de links patrocinados, de banners e popups em portais, sites, blogs, entre outros. Tanto online quanto off-line, a mídia paga tem um bom alcance.

Mídia espontânea

Também conhecido como boca-a-boca. Na teoria, esse modelo não precisa de investimento em mídia, pois a empresa não compra a veiculação do anúncio nas plataformas digitais, apenas trabalha para que ela ganhe destaque naturalmente.

Em vez de investir dinheiro, nessa tática é preciso colocar esforço e trabalhar os pilares do marketing digital como SEO (Search Engine Optimization) ou as mídias sociais da empresa. Dessa forma, os próprios consumidores se tornam promotores da marca.

Os benefícios dessa opção incluem um investimento financeiro menor no impulsionamento de anúncios, além de trazer mais autoridade junto ao público. Por outro lado, é necessário investir tempo e esforço para conquistar essa vitrine online de modo natural.

Canais/veículos: os clientes são os canais de promoção. É uma mídia gratuita, obtida com estratégias realizadas nas redes, práticas em SEO e relações públicas.

Mídia própria

Esse modelo engloba todas as formas de publicidade que estão sob controle da empresa. Por mais que ela se misture com as outras já citadas, o que a define, de fato, é a propriedade do conteúdo gerado e sua administração. Todo material publicado (em seu site, perfis em redes sociais e blog) pertence a você e pode ser alterado de acordo com uma demanda específica.

Nesse modelo, é possível ter total autonomia para ditar quanto tempo será veiculada uma peça, podendo fazer ajustes com facilidade sem prejudicar a difusão.

Canais/veículos: site da empresa, perfil da marca nas redes sociais, blogs, e-commerce, canal no YouTube, entre outros.

Quais são as tendências para cada tipo de mídia?

Dos tipos de mídia mais utilizados hoje, há uma forte tendência das mídias digitais, fazendo com que esse ambiente se torne cada vez mais imprescindível. Confira suas principais ferramentas:

Redes sociais

O Facebook ainda é a rede social que concentra as mais altas audiências. Com ele você obtém projeção para o conteúdo criado por sua marca, mas é preciso impulsionar as postagens e campanhas de Facebook Ads.

Avalie também as possibilidades de anúncios patrocinados no Instagram, Twitter, YouTube e LinkedIn. É fundamental considerar os perfis de seus públicos e o que eles buscam, do que gostam. E não se esqueça de que cada rede apresenta uma linguagem e formato específicos.

Serviços do Google

Com o Google AdWords, é possível programar sua presença online por meio de links patrocinados. Sua empresa pode adquirir palavras-chaves usadas em suas campanhas e, de acordo com o interesse de um perfil de consumidor, os anúncios são segmentados. Não se esqueça de utilizar práticas de SEO para aperfeiçoar o ranking de seu blog ou site nas buscas.

10 dicas para alcançar a primeira página do Google. Baixe agora o e-book.

E-mail marketing

Esse tipo de mídia gera um contato direto com seu cliente ou prospect. O foco aqui deve ser na personalização dos e-mails por meio dos recursos adequados de marketing. Utilize dados sobre seu público e ofereça o que ele procura.

Torne-se um especialista em Marketing Digital!

Como vimos neste conteúdo, existem diversos tipos de mídia e escolher entre tantas opções pode até parecer uma tarefa difícil, mas não é. Na verdade, você precisa associar os modelos que fazem sentido para sua estratégia, mantendo um controle para que seu público não fique sobrecarregado com tanta informação.

E se você está buscando construir uma estratégia para a sua empresa ou iniciar uma carreira no setor, a Digital House possui o curso de Marketing Digital para iniciantes. Prepare-se para os desafios da área e domine as principais técnicas do mercado, tornando-se um profissional de destaque.
Na DH, os cursos online possuem aulas 100% ao vivo e são ministradas por grandes especialistas do mercado. Além de toda a base de conhecimento, os alunos podem participar do programa de apoio à recolocação (gratuito), além de feiras de recrutamento exclusivas (Recruiting Day). Dê o pontapé inicial para sua jornada de sucesso! Inscreva-se em nosso curso e seja um especialista em Marketing Digital!

Fique por dentro das novidades do mercado tech. Assine nossa newsletter.