Inteligência emocional: a soft skill fundamental para 2021

Inteligência emocional: a soft skill fundamental para 2021

Neste artigo, você entenderá a importância das soft skills, mais especificamente sobre a inteligência emocional, visto que é a principal habilidade de 2021. Afinal, um profissional não se garante somente com habilidades e conhecimentos técnicos.

É essencial conhecer e desenvolver soft skills para ser um diferencial no mercado de trabalho, fazendo brilhar os olhos das empresas.

Inteligência emocional: o que são soft skills e sua importância

Assim como as habilidades técnicas que aprendemos ao longo da vida (hard skills), temos as soft skills, habilidades comportamentais que fazem toda a diferença em um desempenho profissional.

Os nossos comportamentos com outras pessoas dentro de uma organização ou como encaramos os trabalhos definem as soft skills e, muitas das vezes, não recebem a devida importância no dia a dia. São elas que contribuem para o desenvolvimento do foco, motivação e a boa produtividade, aliadas às habilidades técnicas.

Para que alguém cresça dentro de uma empresa, ocupando cargos de liderança, precisará saber lidar com outras pessoas, ou seja, a experiência e a inteligência, apenas, não são suficientes. Por isso, o termo tem sido cada vez mais abordado.

Quais são as principais skills do mercado?

De acordo com o World Economic Forum, há diversas competências (soft e hard skills) que devemos dar atenção até 2025, como a inteligência emocional. Listamos abaixo as dez principais:

Resolução de problemas

Nos próximos anos, grande parte das atividades exigirão habilidades para solucionar problemas complexos, principalmente na economia.

Pensamento crítico

Habilidade de utilizar a lógica e o lado racional para analisar forças e fraquezas em diversos campos.

Criatividade

Ideias inusitadas podem ser o diferencial para o desenvolvimento de projetos ou resolução de problemas.

Gestão de pessoas

Saber identificar talentos e desenvolvê-los.

Coordenação

Organização em meio a diversas tarefas mutuamente, sabendo lidar com seus prazos.

Tomada de decisão

Essa habilidade tem relação com a inteligência emocional, assim como outras. Consiste em saber enxergar vantagens e desvantagens em uma decisão.

Saber negociar

Relacionar-se com pessoas é saber negociar também. Essa capacidade traz muita vantagem no mercado de trabalho, pois todos os lados têm a ganhar.

Flexibilidade cognitiva

Consiste na capacidade de criar ou passar por diferentes conjuntos de regras, adaptando-se a situações distintas.

Orientação para servir

Consiste em ajudar outras pessoas. É uma habilidade essencial para projetos em que há clientes ou outro grupo de pessoas.

Inteligência emocional

Saber lidar e administrar emoções para lidar com diferentes cenários e pessoas. Nas tomadas de decisões, sejam simples ou complexas, tanto o lado emocional quanto as reflexões racionais de uma situação influenciam no resultado final.

Essa habilidade nada mais é do que saber conciliar as duas esferas da melhor maneira.

Por que a inteligência emocional é a soft skill para 2021?

De acordo com o levantamento Habilidades 360°, produzido pelo PageGroup, em conjunto com todas as suas marcas, foram levantadas as competências mais valorizadas pelos países latino americanos. O Brasil surpreendeu com seus resultados. Confira as três habilidades emocionais mais votadas:

  1. Inteligência emocional (42,9%)
  2. Trabalho em equipe (38,4%)
  3. Comunicação assertiva (31,1%).

O levantamento foi realizado em 2020, com a participação de 3 mil executivos com cargos de gestão no Brasil, Argentina, Chile, Peru, Colômbia e México.

Qual é o conceito de inteligência emocional?

O conceito surgiu a partir das pesquisas de Charles Darwin, ao concluir que as emoções eram essenciais na adaptação e evolução das espécies.

Com o tempo, diversos outros cientistas foram desenvolvendo a teoria e, na década de 1990, a definição de inteligência emocional foi exposta, através de Daniel Goleman, PhD em Psicologia da Universidade de Harvard.

Na época, ele explicou que as pessoas com habilidades emocionais são suscetíveis a serem assertivas em suas vidas, dominando suas mentes e tendo boa produtividade.

Quais são os pilares da inteligência emocional?

O autoconhecimento é a capacidade do ser humano de entender todos os seus processos internos, sabendo reconhecer suas emoções em cada momento. Ele é o que permeia a inteligência emocional e traz diversos fatores que influenciam suas mudanças. Conheça os sete principais da inteligência emocional:

Emoção

Consiste na busca pela base de um determinado sentimento.

História de vida

Os traumas podem ser obstáculos na busca pelo autoconhecimento e desenvolvimento da inteligência emocional.

Temperamento

Problemas de temperamento envolvem fortes sentimentos, que podem não ser contidos. São necessárias calma e paciência nesses momentos. Pode ser difícil de desenvolvê-las, mas todos possuem esse potencial.

Valores

Capacidade de compreender o que é certo e o que é errado em uma situação. Envolve valores éticos, morais, pessoais ou de conduta no trabalho.

Talento

Saiba quais são seus melhores atributos, independentemente de qual seja.

Empatia

Respeite a si mesmo e as outras pessoas, podendo entender os seus sentimentos.

Resiliência

Saiba encarar os momentos difíceis como oportunidades de crescimento.

Alcance o seu sucesso profissional

Evidências de crescimento de habilidades relacionadas à inteligência emocional vão surgindo cada vez mais, pois participam diretamente na construção de uma carreira profissional em qualquer âmbito.

Nos cursos da Digital House, ensinamos habilidades técnicas, ou seja, as hard skills, mas também proporcionamos um ambiente agradável, com incentivos, para que possa desenvolver as soft skills, como a inteligência emocional.

Confira suas grades e aproveite também para ver nossa biblioteca de conteúdos gratuitos e exclusivos.

Leia mais no blog DH:

+ Departamento de carreiras: 95% de empregabilidade na Digital House

+ De olho no novo consumidor Digital First

+ Inovação: como reinventar a minha empresa?

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)