Entenda o que faz um analista de dados e a sua importância no universo das fintechs

Entenda o que faz um analista de dados e a sua importância no universo das fintechs

O dia a dia deste profissional é repleto de bases, levantamento, validação e elaboração de relatórios e dashboards. Que tal entender essas responsabilidades com mais exatidão? Acompanhe este artigo para saber o que faz um analista de dados.

Quais são as responsabilidades de um analista de dados?

Não é redundante dizer que um analista de dados fica o tempo todo analisando. Ele precisa entender o negócio, as hipóteses que precisam ser validadas e todas as dúvidas que devem ser respondidas.

Além disso, sabe quais são as melhores fontes de dados para levantar respostas e cria relatórios e dashboards para expor tudo o que foi analisado nas outras áreas, para, juntos, gerar insights e novas decisões estratégicas de negócio.

Portanto, trata-se de um profissional essencial para que todas as necessidades relacionadas aos dados fiquem sempre alinhadas e os indicadores sejam devidamente acompanhados e mensurados.

Qual a importância do analista de dados no universo das fintechs?

Não é novidade que o universo das fintechs não para de crescer. Com o passar do tempo, novas empresas vão surgindo e, em paralelo, o profissional de dados se torna cada vez mais requisitado dentro delas. Mas por que isso acontece?

Tomamos o Nubank como exemplo. A fintech é pioneira e tornou-se conhecida pelos cartões de crédito, que conseguem oferecer um serviço de graça pelo qual praticamente todos os outros bancos cobravam na época e, mesmo assim, se mantinha rentável. Qual a resposta disso tudo? Dados.

Há uma quantidade estrondosa deles, um Big Data, que são a matéria-prima de uma equipe de profissionais formada por cientistas e analistas que os usam para tomar as decisões da empresa.

Em suas atividades, o propósito principal sempre se manteve: entender o que clientes querem e precisam para ofertar o melhor produto possível, além de usar essas informações para promover um grande diferencial no setor bancário: o atendimento.

Entenda um pouco mais da dinâmica deles

Para potencializar a utilidade dos dados, o Nubank emprega uma política que os torna abertos para todos os funcionários. Isso significa que as informações referentes às transações de seus usuários são disponíveis (de forma anônima) em uma plataforma única e acessível para todos.

Com isso, os dados podem favorecer tanto uma equipe de comunicação, que utilizará de informações relevantes aos seus conteúdos, quanto o atendimento, que saberá quais produtos estão gerando mais confusão entre os clientes.

Além disso, a equipe de dados está sempre procurando investigar os problemas, prever tendências e buscar soluções para questões que nem os próprios usuários se depararam, criando e testando modelos para, assim, serem implementados pela empresa.

Como se preparar para ser um analista de dados?

Agora que você sabe o que faz um analista de dados e a situação promissora do mercado de fintechs, está interessado em ingressar na área, não é mesmo?

A coisa mais importante que você precisa ter é a vontade de aprender e sempre estudar, pois, a todo o momento, surgem novos conceitos e metodologias de análise. Caso queira se tornar um especialista, foque no aprendizado de uma ferramenta que você se identifique e queira dominá-la, como o Power BI ou Tableau.

A Digital House possui o curso de Data Analytics, que auxilia você com todos esses processos, fazendo se tornar um profissional em até seis meses, preparado para lidar com todos os desafios das grandes empresas.

As aulas são online, 100% ao vivo e ministradas por professores especialistas que atuam no mercado. Além disso, a DH conta com o departamento de Carreiras, onde todos os alunos podem acessar diversos conteúdos exclusivos sobre suas jornadas. Inscreva-se agora mesmo e garanta o seu futuro profissional!

Leia mais no blog DH:

+ Google Analytics Dashboard: crie e personalize com o nosso passo a passo

+ O que é brand equity e como as empresas geram valor de marca em seus produtos e serviços

+ Marketing digital para iniciantes: 10 dicas de como começar na carreira

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)