Aprenda o que é Figma e vantagens para design de interfaces

Aprenda o que é Figma e vantagens para design de interfaces

O mercado e a tecnologia evoluem constantemente e, neste processo, diversas soluções vão surgindo para facilitar a vida das pessoas. O que é Figma? Esta é uma das principais ferramentas recentes que vêm conquistando o coração de muitos profissionais de design. Acompanhe e entenda o porquê.

Se você trabalha com UI, esta é uma solução que facilita diversas etapas de processos ou até demandas como um todo, oferecendo uma funcionalidade simples, intuitiva e colaborativa! Ficou ainda mais curioso para saber o que é Figma, não é mesmo? Acompanhe e entenda tudo o que precisa sobre a ferramenta!

Figma: o que é?

O Figma é uma ferramenta de design para interfaces, que oferece a possibilidade de trabalho colaborativo, ou seja, diversos membros de uma equipe podem explorar e atuar em um mesmo projeto.

Ele funciona 100% online, como uma aplicação web. Com isso, não é preciso baixar o programa ou aplicar atualizações constantes. Todos os projetos são salvos automaticamente na nuvem e, através de um link, como mostrado na figura abaixo, cada trabalho pode ser compartilhado de maneira simples e fluida.


A solução surgiu no final de 2015 e foi conquistando seu lugar rapidamente no mercado, pelo fato de ser a pioneira na colaboração em tempo real. Seu uso é simples e intuitivo, oferecendo diversas ferramentas, como formas, imagens, bibliotecas, prototipagem, feedback dos usuários, componentes, entre muitas outras!

Muito se fala na internet sobre a fama do Figma de ter recebido o título de "Google Docs" dos designers. Ou seja, podemos esperar muito e ter boas surpresas com a solução.

banner do material sobre áreas do ux no post sobre o que é figma

Para que serve o Figma?

Além de ser um ótimo software de prototipagem para interfaces, o Figma também pode ser usado para criação de formatos para publicações nas redes sociais e como uma ferramenta de feedback, haja vista que diversas pessoas podem interagir em um mesmo projeto simultaneamente, de maneira colaborativa.

A área de UX tem foco em entender a necessidade do usuário, criando uma solução que atenda suas dores. Sendo assim, ferramentas como o Figma, que facilitam diversas etapas desse processo, são ótimos meios para se construir boas experiências.

A Digital House entende a importância da área para o mercado atual e oferece em seus programas a formação em UX, que capacita o aluno a criar as melhores interfaces que solucionam as necessidades com assertividade, a partir de diversas ferramentas, como o Figma.

5 motivos para investir na interface

Sabendo o que é Figma e para que serve, você deve estar se perguntando: vale a pena mesmo utilizá-lo? Pensando nisso, separamos 5 motivos para investir na interface. Confira:

Trabalho colaborativo e fácil compartilhamento

Além da possibilidade de vários membros de uma equipe poderem trabalhar juntos em um mesmo projeto simultaneamente, você não precisa baixar, exportar em PDF ou outros formatos para poder compartilhar um trabalho com seu cliente, por exemplo. Basta apenas gerar um link, como no Google Docs, e acessar pelo próprio navegador.


Gestão dos projetos

O Figma possui um sistema que permite o gerenciamento de projetos, de times e permissões de acesso para um trabalho. Você pode categorizar os seus trabalhos entre pessoais ou de times e determinar quem pode administrar, editar ou visualizar qualquer documento.


Vector networks

O Figma possui uma ferramenta própria para vetorização, que é completamente diferente de seus concorrentes, como o Illustrator. Os vetores não possuem uma direção e os pontos de um podem se conectar com mais de uma linha ao mesmo tempo.


Artboards simultâneas

Cada projeto permite a criação de diversas artboards simultâneas. Os seus concorrentes, como o Photoshop, também permitem essa mesma funcionalidade, mas se juntarmos as facilidades e a fluidez do software, esse motivo acaba valendo muito a pena!

Qualquer navegador e sem ocupar espaço!

O Figma foi criado para rodar em navegadores e é 100% online, ou seja, o programa, e muito menos os arquivos, não irá ocupar espaço em seu computador e pode rodar em qualquer sistema operacional. E um plus: o plano inicial é grátis para até duas pessoas simultâneas.

O Figma não é demais? Com certeza, vale experimentar e ver se o software vale a pena para as suas necessidades. Aproveite também e confira nosso artigo sobre outras 5 ferramentas de prototipagem em UX, clicando aqui.

Leia mais no blog DH:

+ Como começar em UX Design

+ Etnografia no UX: como entender a relação do consumidor com produtos e serviços

+ Vantagens em contratar um UX Designer Júnior

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)

banner da newsletter no post sobre o que é figma