Negócios digitais: o que são e quais são as suas principais características

Não é novidade que a forma de empreender está em um processo de constante mudança. Uma das principais provas disso são os negócios digitais, que estão em alta no mercado.

Negócios digitais: o que são e quais são as suas principais características

Trata-se de uma transição de cultura, que reflete novos significados para o mundo corporativo e é ligado diretamente ao conceito de transformação digital, ou seja, a modernização das infraestruturas de TI nas empresas, como Big Data, Inteligência Artificial (IA), entre outras coisas.

O que é preciso para criar um bom modelo de negócio digital? Acompanhe este artigo e saiba tudo sobre esse universo! Vamos lá?

O que são os negócios digitais?

Os negócios digitais são empreendimentos que acontecem no meio virtual, ou seja, eles possuem relação com a tecnologia e os produtos e/ou serviços são disponibilizados através da internet.

No dia a dia, a rotina é mais simples e exige um investimento inicial menor, se compararmos com os demais modelos de negócio. A maioria dos procedimentos é realizada online e pode ser operada de qualquer lugar.

Alguns exemplos de negócios digitais que temos no mercado: e-commerce, infoprodutos, prestação de serviços online, marketplace, cursos etc.

Qual é a importância de investir na gestão de negócios digitais?

Primeiro, é importante que qualquer gestor entenda que o empreendedorismo digital se destaca no mercado.

Isso porque as relações de consumo estão em constante mudança e a internet trouxe mais facilidade para os consumidores que acessam dispositivos móveis, como smartphones e tablets, para acessar as marcas e realizar suas compras. A realidade pandêmica e o isolamento social, iniciado em 2020, intensificou ainda mais esse processo.

Dados de um estudo da Neotrust Compre&Confie, em parceria com a ABComm, mostrou que, somente no ano de 2020, houve um crescimento de 80% no número de transações no comércio online. Isso mostra que a internet deixou de ser uma tendência, para tornar-se um ambiente obrigatório à sobrevivência de qualquer tipo de negócio.

Mais da metade da população mundial é formada por usuários da internet, e os negócios digitais são o modelo que atinge todas as expectativas do comportamento do consumidor moderno: rapidez, dinamicidade, transações instantâneas, disponibilidade e horário de funcionamento ininterrupto.

Não podemos negar que o universo virtual trouxe novas experiências aos clientes, conquistando a confiança deles. E, em um cenário de mercado competitivo, é praticamente impossível continuar trabalhando sem considerar essa nova cultura.

Quais são as principais características e diferenciais dos negócios digitais?

Falando sobre as características de um bom negócio digital, é importante que a inovação seja um pilar presente em todas as estratégias e conceitos trabalhados no dia a dia.

Além disso, a tecnologia e a cultura da empresa também são pontos essenciais na boa condução da empresa. Para isso, algumas qualidades são indispensáveis, como a atualização permanente e constante dos sistemas, boa conectividade, gestão inteligente, Marketing Digital e a transformação digital, ou seja, sempre buscar as novidades do mercado.

Sabemos que é muita informação, mas apostar e investir em negócios digitais traz muitos diferenciais competitivos. Separamos os principais para você. Veja:

Baixo investimento inicial

Se comparada a uma loja física, por exemplo, o investimento inicial de um negócio digital é muito mais baixo. Isso porque não depende de uma infraestrutura e o time de colaboradores necessários também é mais enxuto.

Hoje em dia, é possível encontrar diversas ferramentas gratuitas no mercado digital. Mesmo que sua marca precise usar plataformas e softwares sofisticados, os investimentos ainda são menores do que os das operações físicas.

Maior alcance de público

Outro ponto destacável dos negócios digitais são as barreiras geográficas, as quais não existem para esse modelo. Uma marca virtual pode alcançar consumidores em qualquer lugar do país ou do mundo, ao contrário das lojas físicas que, na maioria das vezes, atendem somente às pessoas de uma determinada região.

Possibilidade de mensurar

Um negócio digital pode extrair inteligência e insights valiosos a partir de dados. Seja com base em indicadores, métricas de Marketing Digital ou pesquisas de satisfação com clientes, é possível obter informações que permitem um maior alinhamento com as expectativas dos usuários e do mercado, refletindo na otimização de processos e melhores resultados.

Flexibilidade de horário e local

Os consumidores não possuem um horário certo para realizar suas compras, que podem ser realizadas a qualquer hora do dia, onde quer que eles estejam. Além disso, os gestores do negócio também têm liberdade para planejar e organizar seus cronogramas a qualquer momento e local.

7 dicas para uma boa gestão de negócios digitais

No dia a dia desse universo digital, é comum que empresas e gestores se encontrem em um impasse para melhorar suas atuações, sem saber o que fazer, de fato. Nesse sentido, separamos algumas dicas que irão ajudar você a tornar os seus processos mais assertivos:

1 - Saiba quem é o seu público e seu mercado

É imprescindível que as marcas saibam qual é o seu nicho de mercado e quem é o seu público, para acompanhar as tendências, saber como seus clientes se comportam, quais são as suas dores e necessidades, para, assim, desenvolver estratégias que tragam ótimos resultados.

2 - Estruture seu site com boas ferramentas

Ao estruturar e desenvolver a página/site do seu negócio digital, analise com cuidado todas as ferramentas que deseja contratar, verificando se atendem todas as suas necessidades, seu custo-benefício e se há potencial de crescimento.

3 - Esteja em dia com a legislação

Existem leis para comercialização online, além de impostos específicos. Sendo assim, a internet não é "terra de ninguém" para ofertar seus produtos e serviços como quiser. É preciso estar em dia com as burocracias para não sofrer consequências, como multas e outras penalidades.

4 - Invista no Marketing Digital

O Marketing Digital é essencial para desenvolver o relacionamento e comunicação entre marca e clientes, a partir de conteúdos, posicionamentos, divulgações, entre outras formas. Sendo assim, é preciso investir na área, a fim de aumentar a visibilidade da empresa.

5 - Fidelize o cliente

Em uma jornada de compra, é essencial conquistar o cliente para que ele volte mais vezes ao seu e-commerce, além de indicar para os seus amigos e contatos. Para isso, além de prezar por uma boa qualidade em seus produtos e serviços, é preciso pensar no pós-venda e quais são as melhores estratégias para fidelizar seus usuários.

6 - Acompanhe os dados

Como comentamos, é importante coletar indicadores, métricas e outros tipos de informações dos clientes para avaliar a performance da sua marca e os resultados. Assim, você identifica quais são os pontos fortes e aqueles que precisam de melhorias.

7 - Avalie o investimento em soluções tecnológicas

Com a transformação digital constante, é interessante pensar e investir em novidades para ajudar você a economizar tempo e obter mais lucro para a empresa. Esteja antenado(a) com as soluções tecnológicas do momento, considerando as necessidades do negócio e o seu objetivo de crescimento.

Como ser um profissional da área e abrir o meu próprio negócio?

Não é novidade que a área de negócios digitais é uma promessa para o mercado de trabalho. A pessoa que busca uma oportunidade nesse universo pode ter experiência em diversas áreas, como marketing, negócios, tecnologia, design ou engenharia.

No entanto, independentemente da experiência e antes de buscar um curso, é preciso gostar e ter a capacidade de liderar, criar estratégias, mobilizar uma equipe e negociar.

O financeiro também é um ponto destacável quando investimos no aprendizado da carreira. O salário médio para a função de gerente de produtos digitais é de R$ 10.354,00.

Com o curso de Gestão de Produtos Digitais da Digital House, você estará pronto para estruturar o roadmap de desenvolvimento de produtos, gerenciar times com metodologias ágeis e Business Model Canvas, entre muitas outras habilidades!

Todos os alunos também podem fazer o curso de Gestão de Carreira gratuitamente e participar de feiras de recrutamento exclusivas (Recruiting Day). Confira também a nossa biblioteca de conteúdo e o Blog DH, com diversos materiais sobre essa área tão importante no mercado.

Fique por dentro das novidades do mercado tech. Assine nossa newsletter