Guia de Data Analytics: tudo o que você precisa saber

Guia de Data Analytics: tudo o que você precisa saber

Qualquer pessoa que procura atingir o sucesso profissional em sua carreira, sem dúvida, entende que a área de dados é uma ótima opção, pois, atualmente, para as empresas, está difícil construir um bom time de profissionais qualificados e com todas as habilidades técnicas necessárias. Neste guia de data analytics, vamos explicar tudo para você ingressar da melhor forma neste mercado oportuno.

Para se ter uma ideia, de acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), 420 mil novas vagas no mercado de tecnologia devem ser criadas até o ano de 2024, o que também inclui data analytics. No entanto, as previsões também apontam que 150 mil delas não serão preenchidas por falta de profissionais qualificados. Portanto, agora é o melhor momento para se qualificar.

Acompanhe este artigo e esteja preparado para começar uma nova jornada de sucesso. Vamos?

Qual a diferença entre data Science e data analytics?

Essa é uma das principais dúvidas para quem decide ingressar na área. Data analytics ou data science? Vamos contar a diferença entre eles agora mesmo:

O data science (ciência de dados) é resultado de uma combinação entre matemática, programação e estatística. No dia a dia, o profissional é responsável por organizar um volume de dados estruturados ou não estruturados, e que também pode ser grande (big data), dependendo da organização em que trabalha. Com tantas informações disponíveis, o cientista deverá buscar por insights, utilizando diversas ferramentas e identificando padrões comuns entre os dados coletados.

Com esses grandes volumes de informações já organizados de acordo com sua relevância, o especialista de data analytics (analista de dados) analisa todos eles, criando correlações e formulando conceitos que orientam o planejamento da empresa, para que ela tome as melhores decisões no dia a dia, nas aplicações de melhorias e otimizações nos processos internos.

Portanto, ambas as carreiras são superimportantes para qualquer negócio que visa seu crescimento e estabilidade no mercado, pois atuam com o objetivo de extrair informações de valor, que são os grandes diferenciais nos processos das empresas.


O que fazer para trabalhar com data analytics?

Para se tornar um bom profissional, a primeira coisa que você precisa ter é a vontade de aprender e o gosto pelo estudo, pois ele será constante. A cada momento, novas ferramentas e linguagens de programação vão surgindo. E sim, é preciso ter noções básicas de programação e estar sempre atualizado, além de desenvolver a capacidade analítica para entender essas mudanças com assertividade.

O profissional deve ter conhecimento pleno das diversas metodologias, ferramentas e processos de análise. Se o seu plano é se tornar um especialista, é recomendável que você foque em alguma ferramenta e/ou metodologia específica, aquela com a qual se identifique mais, para dominá-la por completo. Power BI e Tableau são alguns exemplos que você pode tomar como base.

É importante saber que a área de dados é relativamente nova no mercado. Normalmente, as pessoas que ingressam nesse campo já possuem outras origens profissionais, como Estatística, Engenharia, Administração ou Economia.

E por ser um segmento recente, as oportunidades são inúmeras, mas a quantidade de profissionais qualificados é baixa. Então, essa é a melhor hora para começar a aprender sobre o assunto e se destacar no mercado de trabalho.

Neste contexto, ter uma certificação ou diploma de um curso de análise de dados é uma ótima alternativa para o profissional que deseja impulsionar sua carreira. Isso porque ela comprova os conhecimentos, requisitos e habilidades técnicas aos empregadores, se tornando um diferencial em um cenário tão competitivo.

Sendo assim, a Digital House é a sua melhor escolha! Confira a grade completa do curso de Data Analytics e veja tudo o que você poderá aprender. Você estará pronto para enfrentar os desafios no dia a dia das maiores e melhores empresas do mercado.

Nossas aulas remotas são dinâmicas, 100% ao vivo e ministradas por especialistas que possuem grande experiência de atuação na área. Impulsione sua carreira ainda este ano e conquiste o sucesso!

Qual o perfil profissional de um data analytics?

Um bom profissional de dados precisa ter algumas características para estudar e ingressar da melhor forma na área, lidando com volumes de dados para analisá-los da melhor forma. Separamos os principais deles. Confira:

Pensamento crítico

Essa é uma habilidade que traz diferenciais ao profissional, quando ele coloca todos os seus conhecimentos em prática. Com o desenvolvimento da capacidade crítica, ele estará ainda mais apto para detectar e interpretar dados ao analisá-los, além de contribuir para que tenha uma visão de longo alcance. Com isso, o profissional entenderá quais são as principais tendências e o que a empresa deve fazer para se manter firme no mercado.

Estudar constantemente

Um bom profissional na área de dados deve ter noções mínimas sobre códigos (linguagens de programação), algoritmos, além de lidar com um grande volume de informações. Sendo assim, é importante ter a força de vontade de estudar regularmente todos os dias, para desenvolver suas habilidades técnicas e estar antenado com as constantes atualizações.

Proatividade em buscar soluções

Essa é uma característica importante e que compõe o perfil de um data analytics. Isso não se relaciona somente à solução dos problemas do dia a dia da empresa, mas também a conseguir antecipar o que está por vir e prever possíveis situações.

Por que investir na carreira de data analytics?

Ao pesquisarmos sobre a carreira na internet, por exemplo, não é difícil encontrar informações sobre o crescimento e a relevância da área e o quanto ela é uma promessa para o futuro do mercado.

De acordo com um levantamento do LinkedIn sobre as profissões em alta para 2021, a área de tecnologia, que inclui as carreiras relacionadas a dados, teve um enorme crescimento em 2020, ao contrário de muitas outras que foram afetadas durante a realidade pandêmica e o isolamento social.

A rede social constatou que, dentre as 15 categorias de empregos em alta, a categoria relacionada à tecnologia correspondeu a 20% do total de oportunidades divulgadas na rede, o que representa muita coisa.

Além disso, no guia salarial de 2021 da Robert Ralf, as funções relacionadas à análise de dados também estão entre as posições de destaque para os próximos anos.

Com tudo isso, podemos concluir que as oportunidades sempre existirão para a área, mas a questão principal é a capacidade dos profissionais. Sendo assim, além de um bom preparo para construir a base de conhecimentos, é necessário esforço e aperfeiçoamento constante, haja vista que a tecnologia não para de avançar.

E aí, ficou interessado na carreira depois de ler nosso guia de data analytics? Recomendamos que você também leia sobre o que é data warehouse e entenda tudo sobre esse conceito que tem aparecido com mais frequência nas empresas.

Não deixe também de conferir nossos outros materiais gratuitos e ricos de conhecimento sobre dados ao seu dispor em nossa biblioteca de conteúdo e no Blog DH.

Leia mais no blog DH:

+ Google Analytics Dashboard: crie e personalize com o nosso passo a passo

+ O que é brand equity e como as empresas geram valor de marca em seus produtos e serviços

+ Marketing digital para iniciantes: 10 dicas de como começar na carreira

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)