Gestor de tráfego: o que é como se tornar um?

Gestor(a) de tráfego é responsável por organizar, analisar e liberar demandas, estratégias e ações dentro de uma agência, para gerar resultados.

Gestor de tráfego: o que é como se tornar um?

Você possui um e-commerce, site ou vende seus produtos ou serviços pelas redes sociais? Então precisa conhecer o gestor de tráfego!

Esse profissional é responsável pelas estratégias e ações para gerar vendas e resultados aos clientes, por meio de ferramentas disponibilizadas pelo marketing digital. Se você está procurando um bom profissional para vender seus produtos e serviços na internet e se o seu negócio espera conquistar bons resultados, você precisa de um(a) gestor(a) de tráfego.

Quer saber mais sobre gestão de tráfego e como esse profissional é fundamental para  obter melhores resultados em suas campanhas? Então, continue lendo nosso artigo e saiba exatamente o que faz, quanto ganha e como se tornar um. Boa leitura!

O que é um(a) gestor(a) de tráfego?

O(a) gestor(a) de tráfego é o(a) profissional responsável por organizar, analisar e liberar demandas, gerenciar e criar anúncios, estratégias de marketing e ações dentro de uma agência de marketing digital, para gerar vendas e resultados a um cliente, por intermédio de ferramentas específicas.

Afinal, qualquer marca que inicie sua presença digital na internet, seja um site, landing page, e-commerce ou mídias sociais, precisará de clientes. E a mídia paga é uma etapa fundamental no marketing digital, responsável por atrair novos consumidores interessados em seus produtos ou serviços.

O que faz um(a) gestor(a) de tráfego pago?

O(a) gestor(a) de tráfego faz a organização das atividades, demandas e serviços oferecidos por uma agência de publicidade e marketing digital. Esse(a) profissional “dita” o ritmo correto para cada momento específico da campanha, gerando harmonia na execução de cada etapa. Para impulsionar as vendas dos clientes, usa ferramentas como gerenciamento de redes sociais e gestão de tráfego pago, para atração de seguidores, engajamento e conversão para vendas.

Existem, basicamente, duas formas de atrair novos clientes para um negócio: por meio do tráfego orgânico ou pago. No caso do(a) gestor(a) de tráfego, sua principal competência está relacionada à primeira opção. Ele(a) é responsável pelo planejamento, criação e otimização de campanhas em canais pagos. Dentre eles, os mais conhecidos são:

  • Google Ads;
  • Facebook Ads;
  • Instagram Ads;
  • Linkedin Ads;
  • Pinterest Ads;
  • Twitter Ads;
  • TikTok Ads;
  • Taboola;
  • Outbrain.

Quanto ganha um(a) gestor(a) de tráfego?

Com o avanço da tecnologia e a necessidade das empresas estarem no digital, o gestor de tráfego ficou mais conhecido e requisitado no mercado. Essa profissão foi ganhando cada vez mais destaque e relevância. E, como qualquer empresa com presença na internet precisa de geração de tráfego para crescer, ela se tornou primordial.

Apesar de ser complicado dar um valor específico, pois a remuneração depende de várias questões, como experiência e autoridade no mercado, qualificação, estágio da carreira, entre outros fatores, o salário varia de R$ 2.200,00, para gestores que estão no início da carreira, chegando a R$ 4 ou R$ 5 mil, para os mais experientes. Já a remuneração dos profissionais com grande bagagem, reconhecimento e autoridade no mercado, podem chegar a R$ 20 mil.

Quem pode ser gestor(a) de tráfego?

Você deve estar pensando: atrair pessoas qualificadas para o seu negócio por meio de tráfego pago pode parecer simples, basta investir e trazer clientes para seu site. De fato, não há grandes dificuldades, mas, para criar uma campanha efetiva, é preciso traçar objetivos de acordo com o seu público-alvo. Não basta, simplesmente, aplicar dinheiro sem um direcionamento.

Além disso, existem diferentes objetivos de campanhas a serem criados, de acordo com a jornada de compra do consumidor, tais como:

  • Reconhecimento de marca;
  • Alcance;
  • Tráfego;
  • Envolvimento;
  • Conversão;
  • Visualização de vídeo;
  • Instalação de aplicativo.

E, para saber em qual etapa do funil o seu cliente está, é necessário que o(a) gestor(a) de tráfego saiba, exatamente, o que está fazendo e seja capaz de traduzir os objetivos de marketing de um negócio em resultados tangíveis nas plataformas de mídia em que atua. Para isso, esse profissional precisa entender muito bem sobre o negócio, os objetivos desejados, a persona para quem está anunciando, o mercado como um todo e, por último, mas não menos importante, as ferramentas de mídia disponíveis.

Além disso, há diferentes tipos de gestores de tráfego, que sabem utilizar seu conhecimento em determinados métodos presentes na internet. São especialistas com diversificadas habilidades, sendo elas:

Gestor de tráfego Instagram: analisa e organiza todo o potencial de marketing que a ferramenta oferece, como a possibilidade de promover anúncios de postagens específicas, geração de conteúdo gratuito, parcerias com outras marcas, sorteios, entre outros.

Gestor(a) de tráfego para Facebook ads: determina, administra, direciona e gerencia os anúncios e recursos de uma campanha de divulgação paga nesta rede social. O(a) profissional também determina o quanto de verba usar, alinhando planos de engajamento.

Gestor(a) de tráfego Google Ads: para um site institucional alcançar as primeiras páginas do Google, é necessária uma engenharia estrutural dentro das páginas, envolvendo texto, layout e programação, além de um plano de SEO. Esse(a) profissional sabe como controlar o custo de uma campanha paga para a empresa aparecer no topo da página, em forma de anúncio.

E-Book 10 dicas para alcançar a primeira página do Google. Baixe agora!

Gestão de redes sociais: para gerenciar mídias sociais é preciso ter toda uma técnica, sabendo dosar o tipo de conteúdo, frequência de postagens, conhecimento do público consumidor, dos algoritmos que determinam como os usuários interagem, e de como este conteúdo será entregue.

Gestor(a) multidisciplinar: esse profissional, um dos mais requisitados, consegue atrair visitantes e fazer a gestão de tráfego em diversos canais, como Google, Social Ads, Native Ads, mídia programática, entre outras. Com conhecimento em todas as ferramentas, é possível ser mais estratégico, não focando apenas nas ferramentas que domina, mas, sim, na melhor estratégia para aumentar o tráfego de uma página.

Um(a) gestor(a) de tráfego poderá atuar em diversos tipos de empreendimentos, como e-commerces, agências de Marketing Digital e de performance, consultorias, startups, pequenas, médias e grandes empresas. Pode ainda atuar de forma independente, como freelancer.

Como se tornar um(a) gestor(a) de tráfego?

Com o mercado cada vez mais aquecido para esta profissão, a demanda por gestores e gestoras de tráfego vem aumentando. E o reflexo deste cenário é a oferta cada vez maior de cursos, que geralmente ensinam as técnicas para Google Ads, Instagram ou Facebook Ads, bem como os específicos para cada ferramenta. Há, também, a opção de buscar os cursos e certificações das próprias ferramentas, como o Google Skillshop do Google Ads, Analytics e Tag Manager, e o BluePrint do Facebook.

Mas, tão importante quanto cursos e certificações, é o(a) profissional ter um perfil analítico e gostar de dados, pois o(a) gestor(a) de tráfego lida diretamente com o investimento do cliente e, por isso, é primordial saber analisar e basear suas decisões em dados, para conseguir obter sempre os melhores resultados.

Além disso, é essencial ter conhecimentos gerais em Marketing Digital e Inbound Marketing, pois irá atuar na linha de frente destas estratégias. Para isso, a Digital House oferece o curso de Marketing Digital. Com um programa intensivo de aulas, você sai capacitado para os desafios e solicitações deste mercado.

E-Book: Guia de inbound marketing de atração à conversão de clientes. Baixe agora!

Para atuar como gestor(a) de tráfego e ser bem sucedido(a) no segmento, existem algumas competências importantes que precisam ser desenvolvidas:

Conhecer sobre negócios

Uma das competências mais importantes e que se torna um grande diferencial. Pois, além do conhecimento técnico das ferramentas de mídia, entender sobre o negócio vai te ajudar muito a crescer na carreira.

Boa capacidade analítica

Uma parte importante do trabalho de todo gestor de tráfego é a análise de dados para otimização da estratégia. Para cada objetivo de campanha, indicadores poderão mostrar se ela está obtendo bom desempenho ou não. Portanto, ter uma boa capacidade analítica é fundamental para otimizar as campanhas.

Capacidade analítica: o que é e como desenvolver a habilidade?
Geralmente, nos anúncios para vagas de emprego, é comum aparecer na descrição algo como “procura-se profissionais com capacidade analítica”.

Boa comunicação

A atuação do(a) gestor(a) de tráfego implicará na relação com várias áreas de uma empresa, tais como marketing e vendas, bem como Tecnologia da Informação (TI), produto, suporte, entre outras.

Criatividade

Com o papel de auxiliar testes de novas alternativas em suas campanhas de tráfego pago, a criatividade pode ajudar você a sair do lugar comum, ousar e ter melhores resultados em suas campanhas.

Copywriting

Não é necessariamente uma competência, mas se você tiver uma noção sobre copywriting poderá ser um diferencial no mercado.

Além das competências citadas, outras dicas essenciais são:

  • Faça cursos sobre o tema;
  • Complemente os estudos com tutoriais;
  • Aplique os conceitos aprendidos na prática, seja como hobby ou prestando serviços a terceiros;
  • Esclareça suas dúvidas, consulte as ferramentas de ajuda destas plataformas de mídia;
  • Continue estudando e aplicando na prática. Dessa forma, você estará em constante evolução;
  • Sempre que possível, compartilhe com outros(as) gestores(as) desafios, dúvidas e aprendizados.

Há alguns cursos que dão a base para quem está iniciando a jornada como gestor ou gestora de tráfego, permitindo aprender a parte técnica, conhecer e gerenciar as ferramentas. São eles:

  • Curso de Facebook e Instagram Ads;
  • Curso de Google Ads – Rede de Pesquisa;
  • Curso de Google Ads Display;
  • Curso de Google Shopping;
  • Curso de Google Analytics;
  • Curso de Google Tag Manager

Agora que você já sabe as vantagens da gestão de tráfego e como essa carreira pode alavancar as estratégias de marketing de uma marca, que tal se aprofundar no mundo do marketing digital? Venha para a Digital House e faça o curso de Marketing Digital para iniciantes. Assim você se prepara para os desafios da área e domina as principais técnicas do mercado, tornando-se um(a) profissional de destaque.

Fique por dentro das novidades do mercado tech. Assine nossa newsletter.