Inteligência Artificial: veja exemplos de como ela está presente no seu dia a dia

Inteligência Artificial: veja exemplos de como ela está presente no seu dia a dia

Esse termo tech nasceu em 1956, durante uma conferência na Dartmouth College, universidade norte-americana, em New Hampshire. Na ocasião, foi definido que o significado de Inteligência Artificial se dá como a "ciência e engenharia de produzir máquinas inteligentes".

Se atualmente esta definição parece futurística, imagine há mais de meio século atrás. Porém, só nos anos 2000 que a inteligência artificial realmente começou a decolar, passando a tomar forma e integrar a vida e nosso cotidiano.

Inteligência Artificial no Brasil

De uns tempos pra cá, a IA vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil. A Microsoft anunciou a criação de um AI Industry Board (Comitê da Indústria para Inteligência Artificial) junto a outras empresas e organizações, aqui no país.

A meta do projeto é se reunir trimestralmente para discutir o uso ético e responsável da IA, além dos desafios e oportunidades trazidos por esta tecnologia. A conferência inaugural contou com a presença de executivos de empresas como Bradesco, Vivo, Grupo Fleury, Sulamérica e Car10, além da participação de Miriam Wimmer, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

O AI Industry Board tem foco no uso responsável desta tecnologia, compartilhando boas práticas adotadas por empresas e organizações de vários segmentos, aprendendo todos juntos a promover o desenvolvimento da inovação no Brasil.

+ DH Series: Uma web-serie gratuita sobre Transformação Digital


Exemplos de Inteligência Artificial

1 - Assistentes virtuais

A criação de assistentes pessoais virtuais é uma das aplicações de IA mais utilizadas, atualmente. Seja a Siri, Cortana, Alexia, eles funcionam em diversos celulares e auxiliam em tarefas básicas como definir alarmes, lembrar compromissos, ligar para outros números, informar a previsão do tempo, entre outras funcionalidades. O Google Maps e muitos outros também entram nos assistentes que salvam rotinas e agendas por aí.

2 - Medicina

Exames e diagnósticos sofisticados dependem de IA para serem mais precisos. Tratamentos contra alguns tipos de câncer também se desenvolvem com a ajuda dela.

Um exemplo atual de Inteligência Artificial na medicina é a Stratasys, que anunciou mobilização global dos recursos e experiência em impressão 3D da empresa para ajudar no combate à pandemia atual da Covid-19. A empresa pretende fornecer milhares de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) descartáveis para os profissionais da saúde.

3 - Segurança

Mundo conectado, com encurtamento de distâncias entre pessoas, empresas, países e continentes. Em contrapartida, o lado obscuro também tira vantagens disso, independentemente da pandemia ou não.

Os cibercriminosos, cada vez mais presentes, se aproveitam de situações de crise e vulnerabilidade, com novas e mais sofisticadas ameaças digitais. No sentido de se precaver contra este perigo, além do bom senso (práticas de uso cauteloso de acessos e compartilhamento de dados), existem sistemas e softwares, com tecnologia baseada em IA, que ajudam a detectar problemas de invasão e não conformidade, abrangendo usuários, dados e perímetro. Por isso cyber segurança é tão importante.

4 - Transporte

Aqui a atuação da IA é soberana, atualmente. No caso do transporte público, eixste o rastreamento. No caso de particular, para escolher melhores rotas, evitando trânsito e estradas acidentadas, chamando o próximo passageiro e por aí vai. Já no transporte rodoviário de cargas, essa tecnologia ajuda a aumentar a lucratividade das empresas e impulsionar a logística por terra, água e ar, ajudando aquela sua compra pela internet a chegar, com qualidade e rastreada, no menor tempo possível. Como? Robôs com inteligência artificial fazendo um sofisticado trabalho de gerenciamento de cargas para alcançar os melhores resultados em entregas.

5 - Alimentação

Aqui, IA não se restringe apenas nos apps que entregam alimentos, mas revolucionando a forma como os procedimentos da indústria de alimentos e bebidas são realizados, na relação ao atendimento ao consumidor, processos de fabricação, manuseio, gestão da cadeia de suprimentos e embalagens.

Para que você entenda o tamanho da evolução, algumas empresas especializadas contam com um acervo de algoritmos fundamentados em IA, que tornam capaz a obtenção de grandes volumes de dados para aprender os mais variados padrões de processos logísticos, incluindo campanhas de marketing, sazonalidades, produtos mais vendidos, entre muitas outras informações deste mercado, tudo com foco na experiência do usuário.

6 - Entretenimento

Fora os aplicativos que mudam avatares, fotos, edições destas fotos, tudo ao nosso alcance nos dispositivos móveis, podemos colocar neste barco do entretenimento também os serviços de streaming, cinema e uma outra infinidade de aplicações incríveis na produção de conteúdo, com algoritmos tratando textos, imagens, áudio e vídeo.

E, calma, pois aqui não esquecemos de citar o universo dos games, outro espaço onde a inteligência artificial está mudando a forma como jogamos. Com a chegada de acessórios como os óculos de realidade virtual, a imersão do usuário só aumenta, proporcionando experiências nunca antes vividas.

7 - Mercado de trabalho

A tecnologia de IA já tem como reformular o processo de contratação, coletando os dados para ajudar a colocar as pessoas certas nas posições certas. O uso de dados, com os programas de IA, aprimoram a experiência humana, em vez de substituí-la. E é nessa aposta que plataformas de experiência de talentos oferecem ferramentas para mudar a maneira como as empresas gerenciam o desenvolvimento dos funcionários. Essa tecnologia acompanha o progresso e dá a oportunidade de medir o sucesso dos colaboradores de uma maneira muito mais ágil e tangível.

8. Casa inteligente

Os eletrodomésticos inteligentes, ou seja, com base em dados de IA, devem crescer em 20% até 2023. Esse mercado já mostra como as casas inteligentes caminham para ser realidade em poucos anos. Por exemplo, uma cozinha integrada com dispensas que se “comuniquem” com as geladeiras, evitando desperdício, entre outros tipos de automação.

Hoje, as luzes, câmeras e garagem de seu prédio talvez sejam o mais próximo que você tenha de experiência com este tipo de tecnologia, mas os assistentes de voz ganham cada vez mais espaço e sua máquina de lavar, por exemplo, toda programável, é sinal de que sua casa caminha para esta trend.

Estamos na Era Digital, e os cursos de habilidade digitais já estão entre os mais procurados pelos profissionais. Se você procura se especializar nas novas profissões, a hora é agora, e nós, da Digital House, estamos prontos pra te ajudar.

Leia mais no blog DH:

+ Escola de marketing digital: Conheça os cursos de marketing da Digital House

+ Métricas de marketing: como defini-las em um plano de estratégia?

+ Marketing digital para iniciantes: 10 dicas de como começar na carreira