Passo a passo de como criar anúncios no Google Ads: 6 principais etapas dentro da plataforma

Passo a passo de como criar anúncios no Google Ads: 6 principais etapas dentro da plataforma

Antes de explicar como criar anúncios no Google Ads, cabe dizer como funciona o serviço de publicidade da Google. Sabe o meme que circulava na internet do garoto Cole Sear, de 11 anos, no longa-metragem “O Sexto Sentido”, de 1999?

Interpretado pelo ator Haley Joel Osment, o personagem eternizou o filme com a conversa que teve com o Dr. Malcolm Crowe, papel de Bruce Willis. Para resumir o diálogo entre os dois personagens e refrescar a sua memória, você se lembra “Eu vejo gente morta. Com que frequência? A todo tempo”.

A internet se aproveitou desse momento épico no cinema, para criar os seus próprios memes. Nós poderíamos adotar um para explicar como funciona o Google Ads e seria algo semelhante: “Eu vejo anúncios. Com que frequência? O todo tempo”. Não é à toa que é uma das maiores fontes de receita da Google.

Como criar anúncios no Google Ads: formatos

Desde as primeiras versões do Ads, a ferramenta de publicidade online já estava presente a todo instante nas nossas vidas. Quem nunca foi impactado com os links patrocinados que aparecem no topo e no rodapé da página, após fazer uma busca?

Mas a plataforma de anúncios da Google não se contenta somente com a rede de pesquisa. Outro exemplo são os anúncios em rede de display, quando você está assistindo a um vídeo no YouTube, mas é interrompido por um comercial.

Como se não bastasse os links patrocinados e a rede de display, com a ferramenta também é possível fazer remarketing. São aqueles anúncios que te acompanham a todo tempo em qualquer site visitado com base no seu histórico de navegação e interesse, exibindo os possíveis objetos de desejo nos sites acessados.

Quanto é o Google Ads?

Antigamente, a divulgação das marcas acontecia utilizando espaços na televisão, rádio, jornais, revistas, outdoors, entre outros meios de comunicação. Além de ser um investimento muito mais caro, não era possível segmentar e mensurar a campanha.

Com a explosão da internet, não significa que os meios tradicionais se tornaram irrelevantes, mas as marcas perceberam que os seus esforços em canais digitais (sites, motores de busca, entre outros) são mais assertivos, mensuráveis e rentáveis.

O custo do Google Ads depende do quanto a empresa está disposta a investir na campanha, mas a recomendação dos especialistas é começar com um valor baixo e esperar o retorno do público, para somente depois decidir se vale investir mais ou fazer alguma mudança de rota.

No entanto, reforçamos que o preço do clique de determinadas palavras-chave não é estático. Isto significa que o seu investimento inicial pode ser alterado ao longo do tempo por causa do aumento de concorrentes em disputa daquela palavra.

Etapas para criar um anúncio no Google Ads

Se você quer entender como criar anúncios no Google Ads, precisa ter em mente que a ferramenta online funciona como uma espécie de leilão de palavras-chave, onde os anunciantes fazem suas ofertas para receber cliques em suas páginas.

Nem sempre a maior oferta é a que sobressai, pois o Google combina alguns fatores de qualidade para classificar a posição dos anúncios com base no seu AdRank, considerando dois indicadores: Índice de Qualidade (IQ) e o Lance (CPC Máximo).

Por esse motivo, é importante ter um profissional de marketing digital na jogada que saiba montar a melhor estratégia para não ser um investimento desperdiçado. Entre as etapas para como começar no Google Ads, destacamos seis passos:

1. Vá até o site do Google Ads e se cadastre. Se já tiver uma conta no Google, só informe o seu login e senha;

2. Você será encaminhado ao painel da ferramenta. Em seguida, vá na aba “campanhas”, no lado esquerdo da tela. Clique no círculo azul com o sinal de adição e selecione “Nova campanha”;

3. Neste terceiro passo, você vai se deparar com diversos formatos de anúncios. É só escolher o que é mais indicado para a sua estratégia.

4. Depois de escolher qual será o formato do anúncio, configure sua campanha com informações de local, idioma, orçamento e metas. É importante colocar o endereço do seu site e escolher um nome para a campanha, para ajudar a identificá-la.

5. Após preencher os campos, você precisa definir as informações que vão aparecer no título, na descrição do anúncio e na URL.

6. O último passo é revisar tudo e dar start na sua campanha.

Antes da campanha ir para o ar, o Google inicia uma processo de revisão, que pode levar até 1 dia útil para aprovação.

No entanto, quando o anúncio requer uma avaliação mais criteriosa, pode demorar mais. Passando de 2 dias úteis, é recomendado entrar em contato para saber o que houve.

O que analisar depois que um anúncio foi publicado no Google Ads?

Como uma das vantagens do marketing digital é a possibilidade de mensurar os resultados da campanha, a palavra “achismo” não faz parte do seu vocabulário. Depois de estudar e definir quais são suas métricas de sucesso, está na hora de avaliar qual foi o desempenho delas. Entre as métricas mais importantes que você pode considerar neste momento são:

CTR: a taxa de cliques é a quantidade de cliques recebidos pelo seu anúncio dividido pelo número de vezes que ele foi exibido.

CPC: o custo médio por clique é o valor médio cobrado por um clique no seu anúncio, sendo dividido pelo custo total pelo número de cliques.

CPA: é o valor médio cobrado por uma conversão do seu anúncio, sendo calculado dividindo o custo total das conversões pelo número total de conversões.

Índice de qualidade: avalia a qualidade dos seus anúncios, palavras-chave e páginas de destino.

Taxa de impressão: é a quantidade em que o seu anúncio foi exibido e visualizado.

Taxa de rejeição: quantidade de visitantes que acessam um site e saem sem interagir ou abrir outras páginas.

Quando o assunto é Google Ads, os especialistas recomendam um prazo de 7 dias ou 1.000 impressões para avaliação. Mas que ainda assim pode ser pouco se considerar o comportamento do consumidor, imagine quanto tempo é levado para o cliente decidir qual celular deseja comprar.

Antes de montar qualquer campanha, tenha em mente dois aspectos importantes: persona e a área de atuação do seu negócio.

Seja um profissional de performance

Se você quer aprender a criar uma estratégia eficiente no Google Ads e estudar mídia na prática, a Digital House tem o curso de Marketing Digital Avançado, que explora esse universo, com aulas teóricas e mão na massa.

No nosso curso, você se transforma em um expert em campanhas patrocinadas, aprende sobre tendências, redes sociais, estratégias e se torna um profissional procurado pelas empresas. Que tal investir no seu futuro?

Leia mais no blog DH:

+ SEO para blog: lista de boas práticas para otimizar seu conteúdo

+ Brand Personas: o que são e como fazer?

+ Estratégia para gerar leads: do básico ao avançado

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)