Entenda qual a importância do feedback para o dia a dia das empresas

Entenda qual a importância do feedback para o dia a dia das empresas

Saber gerir projetos e equipes é uma skill muito importante no ambiente corporativo. No entanto, dar o feedback da forma mais correta possível para evolução profissional e, algumas vezes, pessoal dos colaboradores também é essencial.

Nem sempre ele é positivo, mas o que importa é que seja construtivo e proporcione uma evolução. Bons feedbacks podem fazer pessoas alçarem voos cada vez mais altos, se superando, aumentando sua produtividade e, consequentemente, os resultados de um negócio.

Se você é gestor de equipes, do departamento de RH, continue lendo este artigo para compreender com mais exatidão a importância do feedback e como fazer essa comunicação da melhor forma. Vamos lá?

O que é um feedback?

A palavra feedback vem do inglês e é um termo que pode ser traduzido de diferentes formas, como retorno, avaliação, opinião ou comentário. Tudo depende do contexto que for usado.

Atualmente, é uma palavra bastante empregada no mundo corporativo, representando a avaliação feita para um(a) colaborador(a) ou equipe em relação a uma ação, comportamento e desempenho na execução de tarefas e/ou projetos. Geralmente é feito pelo líder/gestor da equipe, que está próximo do profissional no dia a dia, ou por alguém da área de Recursos Humanos (RH).

Existem diferentes tipos e maneiras de se dar um feedback a alguém e nem sempre ele é positivo. Falaremos disso com mais detalhes ainda neste artigo. No entanto, mesmo quando se trata de uma avaliação negativa, o objetivo é proporcionar evolução e melhorias, sempre com muita clareza e respeito.

A comunicação é a chave para se realizar bons feedbacks e é essencial para fazer qualquer empresa crescer e desenvolver pessoas de destaque no mercado.

Conheça os 3 principais tipos de feedback

No dia a dia, existem diferentes tipos de feedback que podem ser aplicados, dependendo do seu objetivo ou resultado. Alguns podem ser mais espontâneos, enquanto outros são programados e realizados com certa frequência, de acordo com o que a empresa acha mais assertivo. Confira os 3 principais:

Feedback negativo

Como comentamos, esse tipo de feedback possui o objetivo de trazer melhorias, corrigir construtivamente e proporcionar evolução a um(a) profissional. Ele é utilizado para dar um retorno à equipe ou colaborador(a) sobre uma performance ou meta que não alcançou o objetivo esperado.

Além de ser uma avaliação sobre desempenho, também pode ser aplicado diante de uma atitude inadequada ou comportamento que não faz jus aos valores da organização.

Dentre os principais tipos de feedback, o negativo é o mais difícil para ambos os lados, seja de quem está aplicando ou recebendo. É um momento sensível, que exige uma postura respeitosa e séria.

Feedback positivo

O feedback positivo é o que todos querem aplicar e receber, pois se trata da abordagem que reconhece o bom desempenho de um(a) colaborador(a) em determinada ação ou comportamento, agregando positivamente para a empresa.

Neste caso, o elogio representa um estímulo, a fim de que o profissional repita a ação, pois indica que está no caminho certo. É um direcionamento positivo de jornada, carreira, crescimento e evolução.

Portanto, se uma equipe ou colaborador(a) alcançar uma meta, entregar um ótimo projeto com folga no prazo, se novos insights são sugeridos e implementados na empresa, entre outros exemplos, elogie e comemore esses momentos.

Feedback pessoal

Esse tipo de feedback pode ser negativo ou positivo. A sua maior característica é o imediatismo, ou seja, o retorno de modo direto e objetivo.

Neste caso, não é necessário agendar uma reunião ou esperar uma ocasião especial. Isso porque esse tipo de feedback procura esclarecer uma dúvida ou um mal entendido sobre alguma tarefa da rotina, evitando possíveis gargalos.

A vantagem desse tipo de feedback é o esclarecimento no “calor do momento”, ou seja, no timing correto. Além disso, vale considerar também que, como o próprio nome sugere, o feedback pessoal é uma avaliação individualizada, ou seja, não se aplica a toda equipe de trabalho.


Qual a importância do feedback para as empresas?

Quando falamos sobre o sucesso de qualquer empresa, o capital humano é um dos elementos mais importantes. E para que haja o melhor desempenho de cada pessoa, o diálogo e o melhor clima organizacional são essenciais para que todos se sintam motivados a realizar suas funções e cumprir suas demandas.

É aí que entra a importância do feedback para as empresas. Implantando-o na cultura organizacional, é possível estreitar a relação de líder com cada colaborador, entendendo suas necessidades e fornecendo a liberdade necessária ao seu desenvolvimento. Em outras palavras, os gestores contam com mais autonomia para sugerir melhorias e cada profissional também pode se sentir seguro para expressar o seu ponto de vista.

Pensando em longo prazo, o entrosamento de toda equipe aumenta e cada um compreende qual o seu papel a cumprir junto ao negócio, pois ela sabe quais são as metas e a sua importância para alcançá-las. Isso reflete em um atendimento mais eficiente e uma experiência do cliente mais satisfatória para o público da empresa.

O mercado está cada vez mais competitivo e as corporações precisam se reinventar e usar os seus recursos de maneira inteligente e assertiva.

Quais são os benefícios de incentivar essa prática?

Implementar a cultura de feedbacks traz diversos benefícios para uma empresa. Separamos os principais para você compreender as vantagens dessa prática. Confira:

Desenvolver e treinar a liderança das equipes

Como comentamos, ao aplicar a cultura de feedback em uma empresa, a proximidade entre gestores e colaboradores aumenta. Com isso, os líderes passam a entender o que se passa com cada pessoa de seu time, estando mais atento ao desempenho e identificando pontos de melhoria e insights de otimização nos processos, o que reflete nos resultados de toda a organização.

Otimizar a retenção de talentos

No mercado, muitas pessoas buscam o seu autodesenvolvimento e crescimento dentro de uma organização. Neste contexto, o feedback é a melhor ferramenta para ajudá-los nesse processo e reter esses grandes talentos para crescer em conjunto com o negócio.

Dessa maneira, você pode contribuir para o desenvolvimento de profissionais para exercer papéis com um maior nível de responsabilidade e contribuir para otimizar os resultados alcançados pela empresa.

Desenvolver as habilidades das equipes

Quando um gestor entende a importância do feedback para sua equipe, ele consegue apontar e desenvolver o que cada um de seus colaboradores pode melhorar ou evidenciar os pontos fortes que possuem.

Na prática, imagine que, em um time, há uma pessoa ótima para tomar decisões, mas que, no momento, não sabe se comunicar muito bem. O feedback pode ser um ótimo meio para ajudá-la no desenvolvimento da habilidade comunicativa, impactando positivamente a sua performance e trazendo consequências positivas para a organização.

E, falando sobre desenvolver habilidades, a Digital House é a sua melhor escolha para ajudar você a transformar sua carreira com cursos focados nas skills digitais mais solicitadas no mercado. Neles, você aprende com especialistas a fazer tudo na prática, além de desenvolver suas competências comportamentais.

As aulas são online, 100% ao vivo e ministradas por professores especialistas que estão no mercado. Inscreva-se agora mesmo em algum dos cursos e garanta o seu futuro profissional!

Como criar uma cultura de feedback?

Para trazer impactos positivos em uma organização através do feedback, gerando um ambiente mais produtivo e colaborativo, existem algumas dicas importantes. Separamos todas elas para ajudar você a criar essa cultura organizacional. Confira:

Organize o ambiente corporativo

Primeiro, é preciso garantir um ambiente adequado para que a cultura de feedback tenha consequências positivas. Os profissionais precisam de segurança e conforto para entender a importância e os benefícios da prática. Assegurando esse cenário, aumentam as chances de assertividade em cada retorno.

Tenha frequência

Ao desenvolver uma cultura de feedback na empresa é preciso saber que a constância é importante. Ao fazer análises e retornos regularmente, os profissionais passam a compreender como o processo funciona, se sentindo mais seguros. Além disso, construir metas para as próximas conversas pode garantir uma maior motivação para todos os envolvidos.

Use diferentes métodos

Como comentamos, existem diferentes maneiras de aplicar o feedback na empresa. Você pode, por exemplo, ter um momento de conversa em grupo, no qual são expostos os pontos positivos e de melhoria de uma equipe como um todo, além dos apontamentos individuais em outros momentos mais oportunos.

Adote uma comunicação positiva e passiva

O tom utilizado deve ser adequado para que o feedback tenha uma boa efetividade. Sendo assim, ao conversar com um(a) colaborador(a), garanta uma comunicação passiva e positiva, mesmo que o feedback seja negativo. Dessa forma, você mantém o engajamento para que as metas ou melhorias sejam alcançadas e aplicadas e todos continuem se sentindo bem no ambiente de trabalho.

Até aqui, você pôde perceber que a importância do feedback vai além das melhorias internas, mas também no impacto que essas mudanças causam no negócio como um todo. A equipe se torna eficiente, o ambiente positivo, os funcionários mais cooperativos e engajados e a empresa funciona a partir de um novo senso de parceria, tornando seu negócio competitivo.

Agora que você sabe mais sobre a importância do feedback, não deixe de conferir o nosso artigo sobre a importância da diversidade dentro das empresas e como implantá-la da melhor forma.

Leia mais no blog DH:

+ Google Analytics Dashboard: crie e personalize com o nosso passo a passo

+ O que é brand equity e como as empresas geram valor de marca em seus produtos e serviços

+ Marketing digital para iniciantes: 10 dicas de como começar na carreira

E aí, já segue a gente no Twitter? Vem pra rede, vamos conversar sobre habilidades digitais! ;)