5 passos para construir uma rotina de estudos

5 passos para construir uma rotina de estudos

Por falar em digital, ora pois, a tecnologia não veio para ajudar a gente nas tarefas cotidianas, para dar mais respiro e TEMPO para as relações humanas?

Pois bem, inovação é usar justamente os recursos tecnológicos a nosso favor, na prática. Exemplo disso é o uso dos apps por geolocalização, que otimizam nosso tempo, com algoritmos ninjas, que organizam rotas por ordem de prioridade e ainda falam com a gente com a voz à la carte.

Inclusive, em um mundo que parece evoluir a cada minuto, usar seu tempo com inteligência pode ser um diferencial para impulsionar sua carreira. Como? Aprendendo a aprender mais, por meio de uma rotina estratégica de estudos, visando resultados profissionais em curto e médio prazo .


Fazendo as pazes com o relógio

A melhor maneira de deixar o tal do senhor dos destinos, como diz na música de Caetano Veloso, controlado, é usar de disciplina. Como disciplina é liberdade (sim, estamos a cantarolar, hoje), nada melhor que usar dela na organização pessoal para otimizar o tempo.

E, para ajudar você a tomar as rédeas da sua agenda, sugerimos aqui 5 passos para que construa uma rotina de estudos bem estruturada, que te faça colher frutos mais à frente. Acompanhe. Garantimos que será um investimento de tempo.

1- Monte um cronograma de estudos

Para dar este primeiro passo, analise os assuntos que pretende priorizar. Por exemplo, um estudante do curso de Imersão em Transformação Digital da Digital House terá em sua grade Cultura Digital e Discovery, Transformação Digital, Metodologias Ágeis, Experiência do Usuário (UX), LGPD, entre outras matérias. Organizar cada uma delas nos estudos fora do campus é chegar nas aulas mais bem preparado, absorver mais o conteúdo e finalizar o curso, de fato, pronto para o mercado.

2 - Mantenha rotinas de horários fixos

O estudante geralmente trabalha, tem outros cursos paralelos, família, academia, amigos...vida pessoal, não é mesmo! Tendo um horário fixo para os estudos, ele ganha mais liberdade para transitar nas outras obrigações e prazeres, pois ninguém é de ferro.

3 - Descanse e coma bem

Como diria muita mãe por aí, saco vazio não fica em pé, e órgãos sem nutrientes não trabalham com eficiência. O cérebro, por exemplo, não raciocina com a mesma ênfase. Alimentação inclui hidratação (muita água) e sono. Dormir bem, inclusive, deixa a memória muito mais aguçada. Para os estudos, esta habilidade é vida!


4 - Tente métodos de memorização diferentes


Outra frase de mãe: você não é todo mundo! E seu cérebro também não.

Na técnica conhecida como Pomodoro, por exemplo, o estudante se dedica a uma atividade por 25 minutos e para por 5. Isso lhe garante mais gás na memorização.

Investigue como é a forma de aprender mais natural para você, seja visual, ouvindo a explicação da aula, leitura ou até cantando a matéria . Entenda a sua dinâmica de memorização, pois, com certeza, será mais agradável e assertivo estudar assim.

5 - Tenha metas claras

Desde o início dos estudos, da decisão de investir seu tempo naquele projeto, é importante que saiba aonde quer chegar, o que vai te agregar, exatamente, aquele conhecimento. Mesmo que conhecimento nunca seja inútil, existem, muitas vezes, prioridades profissionais e financeiras envolvidas. E ter em mente o que você quer atingir é meio caminho andado para se motivaR e alcançar o objetivo proposto.

Com estas dicas e muita organização, sua rotina de estudos será cumprida e você poderá conquistar o tão desejado cargo, aquela promoção sonhada ou mesmo chegar chegando no mercado de trabalho. Para todas as opções, a Digital House pode te ajudar. Temos campus projetado especialmente para otimizar seu programa de estudos, professores especializados e metodologia inovadora e eficaz.

Conheça sobre nossos cursos em habilidades digitais, aproprie-se da Era Digital e tenha o tempo a seu favor!